terça-feira, 15 de janeiro de 2013

Montando uma fonte para a bancada

Bom, pessoal, na postagem do hoje vou mostrar o resultado da minha última criação, ou melhor, adaptação, eu estava precisando de uma fonte para minha bancada que fornecesse as tensões de +3.3V, +5V e +12V para poder utilizar na alimentação dos meus projetos enquanto estiverem sendo construídos e testados, para isso eu decidi utilizar uma fonte ATX de PC que eu tinha aqui parada ja fazia uns 2 anos. 
Primeira coisa: testar a fonte, abri a fonte toda e liguei ela na tomada para testar, no multimetro eu conseguia a tensão correta, mas na hora de por carga na fonte (um cooler, motor, etc) a fonte "desarmava", olhei cuidadosamente cada um dos componentes da fonte e depois de uns 15 minutos percebi que 2 capacitores estavam "inchados", consegui nos meus componentes que tenho em casa 2 capacitores para fazer a substituição, troca efetuada hora de testar. Na imagem a seguir o capacitor mais a frente é o novo (com 100uF a mais que o antigo :p ):
Na imagem a seguir o segundo capacitor substituído:
Os originais da fonte são os capacitores azuis, o preto foi o que eu coloquei no lugar do que estava danificado. Após a troca funcionou perfeitamente, hora das modificações, o que eu queria:
- 1 cooler de exaustão com controle por PWM;
- 2 tomadas que fornecessem a mesma tensão de entrada;
- saídas que fornecessem bastante energia sem que houvesse aquecimento do fio;
- fosse compacta;
- cabo fixo para ligar na tomada;
Bom, eu consegui tudo isso, mas primeiro sofri para encontrar a caixa para por tudo, eu escolhi montar em uma caixa pequena (aproximadamente 6cm de altura, 12cm de largura e 15cm de comprimento) o problema é que liguei para todas as eletrônicas da cidade e nenhuma possuia uma caixa desse tamanho, o jeito foi eu montar uma.
Peguei a serra Tico Tico, fiz os esquemas no PC e imprimi, colei em cima de um pedaço de compensado e com a serra recortei os 6 lados da caixa, e com a microretifica fiz todos os orificios para a fixação dos coolers, LED, potenciometro, interruptor, fios e tomadas. Após umas 3 horas de trabalho manual terminei a caixa, bem como eu queria :)
Segue algumas imagens do resultado final, a primeira, uma visão geral da parte interna da fonte: 
Detalhe da parte frontal com o controle do cooler: 
E o controle por PWM dentro da fonte:
 

Para o controle do cooler eu coloquei um Attiny85, programei ele para ler um potenciometro e então com base na leitura escrever um sinal analógico em uma porta de saída onde está um transistor BD135 para amplificar o sinal e assim enviar para o cooler controlando a velocidade. (na imagem anterior você pode ver o pequeno cooler que é controlado por PWM)
Agora as duas tomadas (posteriormente vou adicionar um fusível de proteção em cada uma):

E por fim, segue uma foto da fonte completa:
 Na frente é possivel ver as 3 saídas devidamente identificadas com mais um capacitor que adicionei para cada uma, cada saída é alimentada por vários fios de mesma tensão, assim caso eu conecte algo que consuma muita energia, os fios não esquentam tão rapidamente.
Por hoje era isso pessoal, abraço e até a próxima.

terça-feira, 8 de janeiro de 2013

Modificando um Helicóptero Fênix - Parte 2

Bom pessoal, dando continuidade à modificação do meu helicóptero Fênix, que se iniciou nesse post, hoje venho postar a pintura dele. pimeiro, uma imagem dele original:
 E agora as fotos depois da pintura:

Removi todos os adesivos e pintei ele completamente de preto fosco, preciso agora desentortar o estabilizador das pás que está levemente curvado desestabilizando o voo.
Também removi a "Bazuca de Cauda", para liberar mais algumas gramas no peso final da aeronave. Agora falta só mecher no sistema de iluminação e na alimentação do sistema, mas isso, fica para a próxima postagem.
Abraço e até a próxima pessoal.